Posts arquivados em Tag: playlist da vez

17 abr, 2016

Playlist da vez: Demon Days

Gorillaz é uma banda de trip rock um pouco diferente… seus integrantes (2D, Noodle, Murdoc Niccals e Russel Hobbs) são personagens animados virtualmente, inclusive em videoclipes e performances ao vivo (apesar de, nos últimos tempos antes do hiato, a banda ter se apresentado, revelando as faces por trás dos desenhos. O líder do Blur, Damon Albarn, todo mundo já conhecia). Ela é natural de Londres, Inglaterra, criada em 1998 e que sobreviveu a um hiato de 2012 a 2015.

g2

Provavelmente vocês já devem ter escutado algum hit deles, importantíssimos para a evolução da cena musical do fim dos anos 1990 e início dos anos 2000. Clint Eastwood é um deles.

A vida de produção Gorillaz foi dividida em fases: Celebrity Takedown (1998 – 2003), Slowboat to Hades (2004 – 2006), Escape to the Plastic Beach (2009 – 2010) e Do Ya Thing (2012) e a nossa playlist da vez entra na fase 2: Demon Days (2005).

Na época do lançamento, minha irmã e eu éramos viciadas em Feel Good Inc., que passava o tempo inteiro nos programas de videoclipes da tevê e também nas rádios em que sintonizávamos. Naquele ano, dei o CD de presente para ela de aniversário. Depois que casou, deixou algumas de suas coisas para mim e este CD foi uma delas.

Demon Days contém os singles Feel Good Inc., Kids with Guns/El Mañana, Dirty Harry e, meu favorito, DARE.

Em 2015, dez anos após o lançamento de Demon Days, a banda anunciou o retorno para 2016 e eu mal posso esperar.

10 abr, 2016

Playlist da vez: Drones

Muse é uma banda inglesa, formada por Matt Bellamy, Chris Wolsenholme e Dom Howard. Semana passada eles fizeram um show no O2, em Londres e, como há alguns perfis de moradores de Londres que acompanho, assisti à performance quase inteira pelo Snapchat, em tempo real, da Drones World Tour – que esteve no Brasil ano passado, porém tive o desprazer de não ir. Snif.

Drones 360 Tour (Divulgação/Twitter)

Drones 360 Tour (Divulgação/Twitter)

A playlist da vez é o vencedor do Grammy de Melhor Álbum de Rock de 2016 e homônimo à turnê, Drones (2015).

A capa é de arte conceitual, assim como todas as capas do Muse, mostrando pessoas sendo controladas por pessoas que é controlada por pessoas. Talvez sendo uma crítica direta ao povo, que é controlado por alguém que é controlado pelo governo. Ou illuminatti. :O

muse_drones

O álbum ainda teve três singles trabalhados até agora: “Psycho”, “Dead Inside” e “Mercy”, também de 2015.



27 mar, 2016

Playlist da vez: Only by the Night

Kings of Leon é uma banda de folk-indie-rock, de Nashville, Tennessee, EUA, formada pelos irmãos Caleb, Nathan e Jared e o primo, Matthew Followill, em 2000  — e, omg, não acredito que nunca falei deles aqui.

Após assistir ao documentário Talihina Sky (2011), meu amor pela banda se triplicou. Nele, mostra como a família do interior soube lidar com a ascensão dos irmãos (e do primo) em meio a muito sexo, drogas, rock’n’roll e uma base religiosa, liderada por um pai pastor.

Graças a Deus consegui ir a dois de três shows que fizeram aqui em São Paulo: Planeta Terra, em 2012, e Circuito Banco do Brasil, em 2014. Ei, KOL! Estamos em 2016. Não acham que está na hora de voltar?

Deixando de blá-blá-blás, a playlist da vez é o álbum Only by the Night, de 2008.

Only by the Night foi lançado poucos dias após meu 17º aniversário (oh, she’s only seventeen…), fazendo-me levá-lo para toda a minha fase de transição da adolescência para a vida adulta. O álbum foi vencedor de dois Grammys e rendeu 2,4 milhões cópias, sendo um dos 30 álbuns mais vendidos em todo o mundo. Seu singles mais conhecidos são Sex on Fire Use Somebody.

Kings of Leon sempre será uma das minhas bandas favoritas e este álbum está no meu top 10, como um todo. Não há uma música sequer que eu desgoste.

20 mar, 2016

Playlist da vez: Paradise Valley

John Mayer é o tipo de cara talentoso que todo mundo quer imitar (risos). Brincadeiras à parte, sou fã deste ser maravilhoso há alguns anos, embora não tenha conseguido ir ao show dele. :(

Já falei aqui no blog sobre a obra de arte que é o álbum “Born and Raised”, de 2012, com sua capa conceitualíssima feita por David Smith (clica aqui), então a playlist da vez é o último álbum de trabalho, Paradise Valley.

Lançado em 2013, Paradise Valley conta com melodias derivadas do blues e é o pai dos singles Paper Doll, Who You Love (com participação de Katy Perry) e, minha favorita, Wildfire.

john-mayer-paradise-valley

Com toda sua maravilhosidade, alguém disponibilizou on-line um vídeo, curto, porém gracioso, do making of deste álbum. Confira!

E confira abaixo o lyric video de “Wildfire”, composto por footage de shows.

Tem alguma música do John que gosta mais? Conte aqui nos comentários!

28 fev, 2016

Playlist da vez: AM

Arctic Monkeys é uma banda britânica de indie-rock, formada em 2002, na Inglaterra.

Arctic Monkeys

A banda já veio ao Brasil três vezes, em 2007, no TIM Festival, e em 2012, no Lollapalooza, e em 2014, por conta própria.

A playlist da vez é o álbum mais recente da banda, AM, de 2013.

Os singles de trabalho são R U Mine?, Why’d You only Call me When You’re High?, One for the Road, Arabella e, minha faixa favorita, cheia de lembranças dos mais variados tipos, Do I Wanna Know?.

E aí? Qual é sua favorita?