Visto e imigração de turismo em Londres

12.08.2015

Quem segue o blog sabe que este mês a Fran está indo passar férias em Londres.

Durante o planejamento da viagem ela teve dificuldade em encontrar informações sobre visto e imigração. Talvez as dúvidas dela também sejam as suas, então vou explicar aqui o máximo que puder.

Imigração e visto para a Europa

Turistas brasileiros não precisam de visto para entrar em nenhum lugar da União Europeia e tem 90 dias de livre circulação entre países (que podem ser estendidos). Essa livre circulação só não é válida para o Reino Unido e para a Irlanda, pois eles não fazem parte do Acordo de Schengen.

Os turistas pecisam passar pela imigração, em que os critérios variam de país para país, e ter o passaporte carimbado.

Imigração em Londres

A imigração de Londres é considerada uma das mais rígidas porque existem muitas pessoas que viajam como turistas, alegando passar férias, e depois ficam vivendo por lá de forma ilegal. Então, é preciso passar pela imigração mesmo vindo de qualquer outro país da Europa e a cada vez que entrar em Londres de novo, pois o carimbo perde a validade sempre que você sair.

imigracao-uk

Validade e regras do carimbo de turista em Londres

O carimbo de turista cedido pela imigração de Londres tem duração de 90 dias e pode ser estendido por mais 90. Se você ficou no Reino Unido por 180 dias seguidos só poderá retornar depois de 12 meses. Caso tenha ficado menos de 180 dias poderá retornar antes.

Atenção: Ao sair do Reino Unido a imigração não carimba o passaporte, então não tem como provar se você ficou menos de 180 dias ou não. O ideal é guardar a passagem aérea para provar que não usou essa cota.

Ao entrar em Londres como turista não é possível adquirir o visto de estudante, para isso é preciso voltar para o Brasil e efetuar um requerimento. Com o carimbo de turista também é proibido trabalhar no país.

O que é preciso provar na imigração de Londres

Para passar na imigração é preciso provar que você:

  • É maior de 18 anos.
  • Pretende permanecer em Londres por, no máximo, 6 meses sem trabalhar ou estudar.
  • Tem intensão de deixar o país depois da sua visita.
  • Tem recursos suficientes para se hospedar e se manter sem recorrer ao trabalho ou aos cofres públicos.
  • Tem recursos para cobrir os custos da sua viagem de volta ou de continuação.
Documentos necessários para imigrar em Londres          

Atenção aos documentos que podem ser solicitados na imigração para não correr o risco de ser barrado em um dos cinco aeroportos internacionais de Londres:

  • Passaporte com mais de seis meses de validade.
  • Passagem de saída do Reino Unido – Pode ser a passagem de volta ao Brasil ou para outro país.
  • Passagens de trem, ônibus, ou avião, comprovante de passeios e outras atividades que pretende fazer quando chegar no país.
  • Comprovante de hospedagem de todos os dias em que estiver no país – Caso vá ficar na casa de algum amigo ou conhecido, solicitar uma carta em inglês com os dias da viagem, endereço, nome completo, telefone e e-mail. Essa pessoa deve estar em Londres de forma legal e deve enviar a carta original para o Brasil antes da sua viagem. Em último caso peça que envie a carta escaneada por e-mail e imprima.
  • Comprovante de renda e recursos para ficar no Reino Unido – Extrato da conta bancária mais movimentada e com maior valor, fatura de cartão de crédito com limite considerável, declaração de imposto de renda ou termo de responsabilidade dos pais e comprovante de renda deles. Não há uma quantia estimada para imigrar no RU, porém é recomendado que tenha no mínimo £250 por semana, além da hospedagem. Lembre-se: se você disser que tem £500, tanto em espécie, quanto em travel cards, é bom que tenha mesmo, pois os oficiais da imigração podem pedir para contar seu dinheiro e ver o extrato do seu cartão.
  • Comprovante de vínculos com o Brasil – Carta do empregador em papel timbrado, carimbada e assinada informando que sua viagem é apenas de turismo e com sua data de retorno ao Brasil e ao trabalho, comprovante de matrícula em universidade, contrato social da empresa própria e/ou termo de responsabilidade assinado por algum familiar.
  • Landing Card preenchido – Este é um formulário distribuído no avião ou na área de imigração do aeroporto para quem não é cidadão europeu e deve ser preenchido e entregue na imigração junto com o passaporte. São pedidas informações como: Nome, sobrenome, data e local de nascimento, sexo, nacionalidade, ocupação atual, dados do passaporte e dados da viagem como tempo de permanência, último aeroporto e número do voo. O formulário também pede um endereço de contato completo de Londres (endereço do hotel ou local de acomodação). E por fim, é preciso assinar o formulário.Landing Card

Coloque todos os documentos em uma pasta e leve com você na bagagem de mão.

Deu pra ver que eles fazem de tudo para não usarmos o “jeitinho brasileiro” lá na terra da rainha, né?!

Apesar de todas essas informações e dicas, a autorização para entrar em Londres depende do agente da imigração que irá julgar se a sua história é verdadeira ou não.

Entre milhões de brasileiros que entram no país todo ano e mais um monte que é barrado no aeroporto, nos resta levar todos os documentos necessários e não mentir, para que tenhamos maiores chances de férias felizes.

O segredo é ser você mesmo e responder somente o que lhe for perguntado. Caso seja necessário, os oficiais da imigração estão preparados para requerer um intérprete que fale português.


Siga nas redes sociais:



Deixe o seu comentário

Uma resposta para "Visto e imigração de turismo em Londres"

Outtamind – Cultura geek, moda, lifestyle, viagens, literatura e muito chá » Dicas para acabar com a procrastinação e produzir mais - 10, novembro 2016 às (12:08)

[…] chamar de “metas”. Por exemplo, se você quer viajar para a Europa, já sabe que ter passaporte válido por seis meses é obrigatório, então pode colocar como meta “Tirar/Renovar passaporte”. Agora, se vai para os […]